Benditas Palavras Bem Ditas: Contrariando.

segunda-feira, abril 11

Contrariando.

Ela, aquarela. Ele, branco gelo.
Ela, lisa. Ele, pêlo.
Ela, churrasquinho. Ele, salada.
Ela, cerveja. Ele, coca-cola. 
Ela joga bola. Ele quase nada.
Ela, balanço. Ele, descanso.
Ela por perto. Ele coberto.
Ela, incêndio. Ele, fagulha.
Ela, fundo. Ele borbulha.
Ela risca. Ele, borracha.
Ela duvida. Ele acha.
Ela, risco. Ele, seguro.
Ela, crença. Ele, apuro.
Ela, camelô. Ele, zona franca.
Ela, cueca de bichinho. Ele, branca.
Ela, Lapa. Ele, Barra.
Ela solta. Ele amarra.
Ela, Chico. Ele, Caetano.
Ela, agora. Ele, um ano.
Ela, moeda. Ele, loteria.
Ela, alegre. Ele, apatia.
Ela, atrevida. Ele, recato.
Ela, bebida. Ele, comida no prato.
Ela, literatura. Ele, equação.
Ela, pergunta. Ele, solução.
Ela, tinta. Ele, pinto.
Ela se joga. Ele "não sinto".
Ela, modernismo. Ele, surreal.
Ela, matriz. Ele, filial.
Ela, prazer. Ele, dieta.
Ela segue. Ele, meta.
Ela salta. Ele nada.
Ela, peralta. Ele, porta fechada.
Ela, palestra. Ele, bico calado.
Ela, céu azul. Ele, telhado.
Ela, multidão. Ele, solo.
Ela, baião. Ele, colo.
Ela, poesia. Ele, matemática.
Ela, lirismo. Ele, vida prática.
Ela, beijo. Ele, alho.
Ela, boate. Ele, baralho.
Ela, barulho. Ele, ruído.
Ela, inteiro. Ele, moído.
Ela, lágrima. Ela muda o canal.
Ela toma todas. Ele passa mal.
Ela, ácido. Ele, careta.
Ela, sambódromo. Ele, micareta.
Ela, livro. Ele, televisão.
Ela, feijoada. Ele, alface e agrião.
Ela, defeito. Ele, perfeito.
Ela, brinquedo. Ele, rochedo.
Ela, sal. Ele, doce.
Ela liberta. Ele, posse.
Ela, tutti-frutti. Ele, menta.
Ela toda. Ele mento.
Ela, metrô. Ela, carro.
Ele pechincha. Ele paga caro.
Ela, devaneio. Ele, coluna do meio.
Ela vai. Ele pira.
Ela, incenso. Ele espirra.
Ela levita. Ele, pé no chão.
Ela, tagarela. Ele, caladão.
Ela, suor. Ele, seco.
Ela, cachaça. Ele, prosecco.
Ela, verão. Ele, calafrio.
Ela, banho frio. Ele, aquecedor.
Ela, freelance. Ele, provedor.
Ela, qualquer jeito. Ele, critério.
Ela, transparente. Ele, mistério.
Ela, barraca. Ele, pousada.
Ela, museu. Ele, escada.
Ela, Bukowski. Ele, é o tchan.
Ela, quero. Ele, amanhã.
Ela, matinho. Ele, motel.
Ela, amor. Ele, bordel.
Ela, ocidente. Ele, oriente.
Ela, surpresa. Ele, de repente.
Ela, encontro. Ele, solidão.
Ela, desafio. Ele “vou não”.
Ela, bagagem. Ele, mochila.
Ela, viagem. Ele cochila.
Ela, romance. Ele, drama.
Ela, floresta. Ele, grama.
Ela, brigadeiro. Ele, trufa.
Ela, chão gelado. Ele, pantufa.
Ela, mostarda. Ele, azeite.
Ela, tarada. Ele, enfeite.
Ela, Tailândia. Ele, Paris.
Ela, mar. Ele, chafariz.
Ela, lenda. Ele, verdade.
Ela, despedida. Ele, saudade.


 
 
 Fernand's

57 comentários:

Raphael Martins disse...

Caramba, parece música de Caetano...
abcs.

{O gerente} Mercenário disse...

Ela bem mais interessante do que ele...

(Obs: moça, mandei um convite para vc acessar meu blog. mas acredito que ele possa ter caido direto na sua pasta JUNK, ou SPAM, sei la, do seu MSN... de qualquer forma, eu ficaria todo contente em receber sua visita por la.. qualquer dia.. qualquer hora.. :))

nao me esqueço de vc

Beijos!

OceanoAzul.Sonhos disse...

Sem dúvida que ela é o sal da relação Mas será como dizem, que os opostos se atraem?? Quiça ...
bjs
oa.s

Fernanda Arruda disse...

"Os opostos se distraem, os dispostos se atraem"

Beijo.

Jéssica Trabuco disse...

Dizem que é da NÃO perfeição que se faz o amor, e eu acredito.
Fica bem mais interessante assim ;)

Márcinha Mendonça disse...

Oi flor passando pra deseja uma semana iluminada e abençoada que ela seja doce doce doce sempre beijos e otima noite

Verô. disse...

UAU!!! amei...

:)

Thaís Alves disse...

Mto bom... alguns desencontros são tempero do amor, são trocas. Todos os desencontros são saudade mesmo! :) Beijo!

BRASIL BLOG disse...

"Ela, beijo. Ele, alho".

MUITO BOM!!! TALENTO NATO O TEU.
Poesia à parte, não vejo futuro
em tanta discordância.
Bjs, menina.

RosaMaria disse...

Seria muito chato o Amor perfeito.

Viva as diferenças!
Viva a beleza da contradição.

Beijos!!

Janinha disse...

Os opostos se completam

Bjos

Poeta del Cielo disse...

muito lindas suas letras quanto sentimento en cada uma lindas de se leer belas de se sentir... obrigado por compartihar elas,,..

cheguei a seu blog por uma amiga en comun...muito lindo o sentir de suas letras parabens amiga,,

permiso pra le seguir...

Umáyra disse...

"És suculenta
e selvagem
como uma fruta do trópico
Eu já sequei
e me resignei
como um socialista utópico.
Tu não tens nada de mim
eu não tenho nada teu.
Tu, piniquim.
Eu, ropeu."

Ela curte Bukowski, ela sabe o que é boooooooooooooom! haha

um beijo.

Andreia B. Borba disse...

Caramba!
Que coisa espantosa!
Lindo demais!

Bjs grandes, Déia

Anônimo disse...

Caralho, muito foda!

Carlos Henrique disse...

Ele voa além e ele muito baixo.
Por isso a despedida.

Lindo, Fê! Sou teu fã!
Bjs do C.H.

Indy. disse...

a física explica, o coração te entende..
beijo, flor.

Rodrigo disse...

Sou mais ela.

Adonai disse...

Talvez pq simplesmente essas coisas fazem partes.. Idas e vindas..

Realmente gostei muito do que vi aqui, vou te incomodar a partir de agora..

valeria soares disse...

A-do-rei!!!!
Obrigada por sua visita. Amei seu blog. Sigo.

Adriana Polo.Demais pra minha Cabeça. disse...

Amooooo...Estou correndo feito louca.Mas tive que comentar...Pra variar,queria ter escrito isso.Lindo! Beijocaaaaaaaa

Sônia Brandão disse...

Desencontro total!

bj

Lunna disse...

Gostei do ritmo, me fez lembrar Erico Verissimo num livro que li tempos atrás... bacio

Gaúcho disse...

"Ela, Bukowski. Ele, é o tchan."

Eu já estava de cara com "Ele", mas depois dessa, piorou.

"Ela" é melhor. Aqui ou na Tailândia.

Beijos do amigo Gaúcho.

Adri Ferreira disse...

E viva as diferenças! \o/

Suzana Martins disse...

A beleza do conhecer, do diferente... do viver!!

Beijos

Noh Gomes disse...

Gosto tanto dela, fagulha, mais dela, muito mais dela.

Beijo
Noh

Débora Pretti disse...

Caí aqui de pára-quedas e me encantei com a vista!

Voltarei sempre!

Gorete Sousa disse...

Muito legal!!! adorei!!!
bacana seu blog...
espero sua visitinha
xx

www.ilovenystyle.blogspot.com

mfc disse...

Puxaaaa...!
Que maravilha! Fiquei sem fôlego, mas gostei tanto, tanto!
Olhe o meu sorriso.
Parabéns.

Jorge Pimenta disse...

sexualmente dicotómico. humanamente harmónico.
de aproximações e quebras se faz o plural; o ele e o ela meras contingências gramaticais.
beijinho!

Luana disse...

Muito, muito,muito bom mesmo ah você é um poeta de mãos, pé e cabeça.
Nossa esse poema ficou demais.
Beijos flor.

AgneSSengA disse...

Senti pena dele coitado.

Fernand's disse...

agnes,
coitado mesmo...





luana,
obrigada, linda.

Fernand's disse...

jorge,
humanamente impossível! rsrs







mfc,
que bom que te fiz sorrir.

Fernand's disse...

obrigada, gorete.
seja bem vinda.





débora,
fico muito feliz! =)

Fernand's disse...

noh,
confesso que eu tbm! rs







suzana,
a beleza da peculiaridade. embora isso não garata sucesso num relacionamento. =)

Fernand's disse...

adri,
ô!







hahaha
gaúcho, ele tem a maior pinta de intelectual, mas tem que ter um pezinho no brega... é o tchan é imperdoável! rsrsr

Fernand's disse...

lunna,
tem cadência... rs





sônia,
total é pouco! rs

Fernand's disse...

adriana,
=)






valeria,
obrigada. seja bem vinda!

Fernand's disse...

adonai,
mas será que dá pra conciliar tanta diferença?

=) seja bem vindo.






rodrigo,
dois!

Fernand's disse...

indy, eu discordo da física em termos de relacionamento.

me entende??? isso não sou eu, linda.







ch,
vc captou bem! rs

Fernand's disse...

anôinimo,
thanks.





andreia,
obrigada. seja bem vinda.

Fernand's disse...

máy,
tu lipa
eu calipto. rsrsrs

ela sabe mesmo! =D





obrigada, poeta.
seja bem vindo.

Fernand's disse...

janinha,
depende...







rosa,
com certeza... mas com muita diferença eu acho que não dá tão certo, não...

Fernand's disse...

brasil,
duas! obrigada.

Fernand's disse...

thaís,
ou desencontros são sinais, dicas para tomarmos outros caminhos...






verô,
=D

Fernand's disse...

marcinha,
obrigada. pra ti tbm.






jéssica,
muita diferença tbm não sustenta amor algum. penso eu.

Fernand's disse...

fernanda,
perfeito!






oa,
não dura... tenho certeza! rs

Fernand's disse...

gerente,
obrigada pelo carinho. vou lá.





raphael,
obrigada. =)

Yanna disse...

Brilhante jogo de palavras e ritmo! Adorei!

Fernand's disse...

yanna,
obrigada, querida. seja bem vinda.

Deco Jr. disse...

Eu, sapo. Ela, lagartixa.
Devora-me ou pulo em outra folha! rs

Fernand's disse...

deco,
hahahahha
direto e reto.

Beatriz Amorim disse...

Adorei! (:

Fernand's disse...

beatriz,
=)

Ana Claudia disse...

Gracinha.