Benditas Palavras Bem Ditas: Sempre esteve.

quinta-feira, dezembro 9

Sempre esteve.




O porta-retrato, que fica dentro da cristaleira, foi presente de casamento e tem uma foto antiga, amarelada, poída nas bordas. Dona Inalva limpa o móvel duas vezes por semana e, toda vez que pega o porta-retrato nas mãos, aperta-o contra o peito, suspira e lembra daquela tarde de sol e aventura na praia de Ipanema. A imagem é ela e seu finado marido, Roberval. Um excelente confeiteiro. Aliás, o melhor confeiteiro do Andaraí. Atrás deles um céu azul, algumas pessoas com trajes de banho antigo. Os dois abraçados, sorrindo felizes, vestem roupas comuns. O padeiro usa um chapéu torto, que cobre a metade do seu rosto. Dona Inalva usa um lenço na cabeça. Sempre que mostra a foto a alguém, fala do vento forte que fez e enaltece a beleza daquela praia. "Que praia?", alguns perguntam, mas ela garante que está lá, sempre esteve. Conta, tecendo com emoção, cada detalhe daquele dia. Suas palavras são tão vibrantes, que no fim do relato, quem ouve, consegue realmente ver a praia na foto. Ela está lá. sempre esteve.




Fernand's
praia de ipanema - 1951, via web







23 comentários:

Dêco disse...

Perfeito o poder que as fotos tem de captar toda a história de uma vida. Marca. Diz muito sobre o momento. Eu quero poder eternizar, não só em minha memória, mas em fotografias, momentos de minha vida.

Karina_sba disse...

adorei!!! bjs...

Franck disse...

Tbém tenho algumas fotos em sépia... só que elas estão no fundo das gavetas!
Bj*

Serginho Tavares disse...

se ela diz que tem é porque tem!
não vamos brigar por isso
rs

beijos
lindo texto

Jessy Rodrigues disse...

como um paralizar de um momento lindo!
*---* amei

Lobo disse...

Eu acho incrível isso, esses objetos que conseguem puxar em cadeia tantas lembranças... tive uma epifania dessas esses dias.

Um beijo Fer!

Edilson Cravo disse...

Retribuindo a sua visita e vindo conhecer teu espaço, Mto bacana tudo que vi. Bjs, tô te linkando.

Rodrigo disse...

que lindo.
bom finde!

Júlia Zuza disse...

Mas não é a gente que inventa a realidade? A praia nunca esteve tão linda, com o mar saindo do céu e os banhistas comendo os deliciosos confeitos do Roberval. Foto é sempre um cartão de visitas da imaginação. Adorei o texto, Fer! bj

Rafael disse...

Quem nao tem uma dessas, seja no porta retrato ou até mesmo na pasta "meus documentos".

Bjos

*Pri disse...

Algumas coisas nunca mudam. Estão sempre lá mesmo. Basta saber olhar.

█► JOTA ENE ◄█ disse...

ººº
Fernand's gostei de te ler por aqui... rs

Ah e voltarei sempre, tu sabes que sim...

Bjoooo___incongruente

Assis Freitas disse...

eu consegui ver claramente a praia, a areia, o mar

tudo voraz como o tempo



beijo

Lou Albergaria disse...

Saber ler o próprio tempo é um dom...as entrelinhas então só sendo mesmo muito louco...

Beijo!

Sentimental ♥ disse...

a emoção dos envolvidos faz toda diferença...

Fernand's disse...

dêco,
fotografias eternizam mesmo...




karina,
obrigada. seja bem vinda.





franck,
as minhas estão na gaveta... da minha cabeça! rsrs

Fernand's disse...

serginho,
quem somos nós??? rsrs





jessy,
e importante para quem o viveu.






lobo,
tenho sempre... com vários objetos!!!

Fernand's disse...

edilson,
obrigada. seja bem vindo.





rodrigo,
obrigada, querido.
uma boa semana.






júlia,
é uma porta. obrigada, linda.

Fernand's disse...

rafael,
ihhhhh, várias! rsrs





pri,
e cada vez a genet vê algo que ainda não havia reparado! rs






jota,
obrigada, querido. sinta-se sempree bem vindo.

Fernand's disse...

assis,
eu tbm! rsrs





lou,
ainda bem que eu posso, então! rsrs






sentimental,
totalmente.

Carlos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Carlos Henrique disse...

Eu vi.

Fernand's disse...

c.h.,
que bom!!!